Deputada Vivi Reis exige providências do Estado contra violência a indígenas em Jacareacanga.

A sede da Associação de Mulheres Indígenas Munduruku – Wakomborum, foi depredada e saqueada em Jacareacanga, na manhã desta quinta-feira, 25 de março, a mando de garimpeiros que atuam na região. Tão logo soube do ataque, a deputada Vivi Reis (PSOL/PA) iniciou contato com a Secretaria de Segurança Pública para garantir a integridade física das […]

17 Nov 2021, 17:32 Tempo de leitura: 0 minutos, 46 segundos

A sede da Associação de Mulheres Indígenas Munduruku – Wakomborum, foi depredada e saqueada em Jacareacanga, na manhã desta quinta-feira, 25 de março, a mando de garimpeiros que atuam na região. Tão logo soube do ataque, a deputada Vivi Reis (PSOL/PA) iniciou contato com a Secretaria de Segurança Pública para garantir a integridade física das lideranças ameaçadas. Também estão sendo estudadas outras medidas jurídicas e políticas cabíveis para apuração e responsabilização dos envolvidos no atentado criminoso.

“As ameaças de mortes, assim como outras tentativas de intimidar as lideranças que se contrapõem aos projetos que destroem a floresta amazônica, vêm se tornando cada vez mais frequentes, legitimadas pela ausência de ações das autoridades e isso é inadmissível. Nosso total repúdio a essas ações e solidariedade às mulheres Munduruku”, afirma a deputada.