Deputados e Senadores realizam diligência nesta quinta-feira (30) em Atalaia do Norte

A relatora da Comissão Externa da Câmara, deputada Vivi Reis (PSOL-PA), permanecerá até sexta-feira na região, junto com uma equipe técnica, coletando mais informações sobre a situação na região

28 jun 2022, 15:03 Tempo de leitura: 2 minutos, 30 segundos
Deputados e Senadores realizam diligência nesta quinta-feira (30) em Atalaia do Norte

Deputados e senadores que integram as comissões externas criadas pela Câmara e pelo Senado para acompanhar o caso dos assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips chegam quinta-feira (30) à cidade de Atalaia do Norte, no Amazonas, para ouvir líderes indígenas, representantes de órgãos públicos e ativistas das causas ambientais e de direitos humanos.    

Além dos sete deputados e cinco senadores que integram a diligência, também é esperada a participação da ministra Cármem Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, representando o Judiciário brasileiro. O grupo deve retornar a Brasília ainda no dia 30 de julho. A relatora da Comissão Externa da Câmara, deputada federal Vivi Reis (PSOL-PA) e equipe técnica, porém, vão permanecer no Amazonas na sexta-feira ouvindo mais pessoas da região.

“Avaliamos que apenas um dia de diligência seria insuficiente para coletar todos os elementos necessários para a construção do relatório. Precisamos ouvir indígenas, indigenistas, servidores da base local da Funai, integrantes da força tarefa que atuou nas buscas, autoridades locais para, a partir daí, definirmos na Comissão quais serão os próximos passos”, afirmou a deputada Vivi Reis.  

Com a viagem até o Vale do Javari, os integrantes das comissões também irão verificar a atuação de redes criminosas no local ligadas às atividades de tráfico de drogas, pesca irregular e garimpo ilegal e, ainda, avaliar como está a presença do Estado brasileiro na região, apurando, inclusive, denúncias de possíveis casos de prevaricação, além de apontar medidas que possam garantir a integridade e a segurança de indígenas, indigenistas, servidores da Funai e defensores da floresta.

A agenda de quinta-feira prevê encontros com lideranças indígenas da Univaja (União dos Povos Indígenas do Vale do Javari), Coiab (Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira) e Opi (Observatório dos Direitos Humanos dos Povos Indígenas Isolados e de Recente Contato). Antes de ir para Atalaia do Norte, o grupo passará por Tabatinga para ouvir os órgãos responsáveis por investigar o desaparecimento e o assassinato de Bruno e Dom.

O grupo que fará a diligência ao estado do Amazonas é composto pelos deputados e deputadas

José Ricardo (PT-AM) – Coordenador da Comissão Externa da Câmara.

Joenia Wapichana (Rede – RR) – Vice-Coordenadora da Comissão Externa da Câmara.

Vivi Reis (Psol- PA) – Relatora da Comissão Externa da Câmara.

João Daniel (PT-SE) 

Rodrigo Agostinho (PSB-SP) 

Erika Kokay (PT-DF) 

Reginaldo Lopes (PT-MG) 

E pelos senadores

Randolfe Rodrigues (Rede- AP) – Presidente da Comissão Externa do Senado

Fabiano Contarato (PT-ES) – Vice-Presidente da Comissão Externa do Senado

Nelsinho Trad (PSD-MS) – Relator da Comissão Externa do Senado

Leila Barros (PDT-DF) 

Eduardo Velloso (União Brasil – AC)